Posts Recentes

O que Colleen Hoover nos ensina sobre relacionamentos abusivos

29 de outubro de 2018



Não é novidade para ninguém que eu sou apaixonada pelos livros da Colleen Hoover, ela é uma das minhas autoras favoritas da vida, e os seus livros são presença garantida na minha estante!

Meu primeiro contato com a escrita dela foi com o livro "Talvez um dia", e eu me apaixonei perdidamente pela forma como ela coloca as palavras em cada página. E no ano passado, quando li "É assim que acaba", meu coração se partiu em milhões de pedaços quando eu imaginava que os personagens daquela história são mais reais do que parece.


A autora sempre aborta alguém tema um pouco mais pesados nos livros, o que é uma marca registrada dela e do próprio gênero New Adult. Colleen fala sobre transtornos psicológicos, sobre abuso sexual, relacionamento abusivo e principalmente sobre a luta das mulheres para serem donas de si, em uma sociedade que teima em dizer o contrário. Então resolvi fazer esse post com algumas das coisas que aprendi lendo seus livros, coisas que vou levar comigo para o resto da vida e acredito que você deva levar também. 




RESPEITE SEUS LIMITES



Todos nós temos um limite, uma linha imaginaria que volta e meia é ultrapassada por alguém que nos machuca, e o que faz a diferente é o que fazemos depois, a forma como lidamos. Em "É assim que acaba" (resenha aqui)  conhecemos uma mulher que passa por um relacionamento abusivo e que a cada nova chance que ela oferece o parceiro, ela aumenta o próprio limite. 


Em determinadas áreas da vida ultrapassar os limites é algo aceitável, é até uma busca para algumas pessoas, mas em relacionamentos amorosos não, seja namoro, casamento, amizade, ou no âmbito familiar. Sempre que alguém te ferir e você deixar passar, da próxima vai doer mas. 


É importante saber diferenciar uma nova chance que deriva do perdão de um novo ciclo de abuso que deriva do medo. E para isso precisamos nos conhecer, mergulhar fundo em nossos próprios sentimentos, entender que o perdão não é uma porta escancarada, mas sim uma janela. Por essa janela entra luz, ar, brisa, mas ela é estreita demais para certos retornos.





JAMAIS ACEITE MIGALHAS


Nós vivemos em uma sociedade em que a ideia de uma mulher ficar sozinha é vista como algo ruim, não querer casar ou ter filhos não é algo agradável aos olhos de muitos. Isso leva muitas pessoas a aceitarem um relacionamento sem vida, por vezes desgastado demais, apenas para manter viva a ideia de sonho realizado. 


Eu particularmente acho belíssima a definição do amor segundo o budismo, para eles amar significa que querer ver o outro feliz, independente de você ser ou não o motivo dessa felicidade. Amor é uma troca que envolve aceitar alguns defeitos e conviver com eles, mas a partir do momento em que você se dedicar a alguém de corpo e alma e não receber o mesmo em troca caia fora, isso não é amor.


Uma pessoa que esta presa a um relacionamento abusivo perde a capacidade de distinguir o que é cada sentimento. É alguém que esta acostumado a ser tradado de maneira inferior, e que quando recebe o minimo de carinho e afeto acredita que aquele gesto é a coisa mais bela do mundo, quando não chega nem a metade do que deveria receber.





ERGA A CABEÇA


Colleen nos ensina a seguir em frente, a jamais permitir que alguém nos menospreze e zombe dos nosso sentimentos. Ela criou personagens fortes e inspiradoras que mostrar a dura realidade de conviver em um mundo onde muitos acreditam que as mulheres são apenas  marionetes dos homens.




VOCÊ NÃO ESTA SOZINHA


Não, você não esta! Relacionamento abusivo não é saudável, não é uma prova de amor continuar com alguém mesmo quando tudo te diz para ir embora. O processo de separação nesses casos é doloroso, física e psicologicamente e em alguns casos infelizmente fatal. Mas existe ajuda, existem amigos, família, órgãos de proteção que podem garantir a segurança e principalmente a liberdade de alguém que esta aprisionado a um relacionamento tóxico. Sempre existe uma saída.


No mais, gostaria de recomendar os livros da Colleen para todas as pessoas que não tem medo de crescer emocionalmente. Os aprendizados são muitos e extremamente necessários. 


Abaixo fica a lista de livros publicados pela autora no Brasil, um pouco sobre a mesma e contatos caso você queira conversar ou pedir ajuda! <3








Para Merit Voss, a cerca branca ao redor da sua casa é a única coisa normal quando o assunto é sua família, peculiar e cheia de segredos. Eles moram em uma antiga igreja, batizada de Dólar Voss. A mãe, curada de um câncer, mora no porão, e o pai e o restante da família, no andar de cima. Isso inclui sua nova esposa, a ex-enfermeira da ex-mulher, o pequeno Moby, fruto desse relacionamento, o irmão mais velho, Utah, e a gêmea idêntica de Merit, Honor. E, como se a casa não tivesse cheia o bastante, ainda chegam o excêntrico Luck e o misterioso Sagan. Mas Merit sente que é o oposto de todos ali.Além de colecionar troféus que não ganhou, Merit também coleciona segredos que sua família insiste em manter. E começa a acreditar que não seria uma grande perda se um dia ela desaparecesse. Mas, antes disso, a garota decide que é hora de revelar todas as verdades e obrigá-los a enfim encarar o que aconteceu. Mas seu plano não sai como o esperado e ela deve decidir se pode dar uma segunda chance não apenas à sua família, mas também a si mesma. As mil partes do meu coração mostra que nunca é tarde para perdoar e que não existe família perfeita, por mais branca que seja a cerca.





O maior best-seller de Collen Hoover, autora das séries Slammed e Hopeless, chega ao Brasil Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. 










Um romance sobre as escolhas corretas nas situações mais difíceis. As coisas não foram sempre fáceis para Lily, mas isso nunca a impediu de conquistar a vida tão sonhada. Ela percorreu um longo caminho desde a infância, em uma cidadezinha no Maine: se formou em marketing, mudou para Boston e abriu a própria loja. Então, quando se sente atraída por um lindo neurocirurgião chamado Ryle Kincaid, tudo parece perfeito demais para ser verdade. Ryle é confiante, teimoso, talvez até um pouco arrogante e se sente atraído por Lily. Porém, sua grande aversão a relacionamentos é perturbadora. Além de estar sobrecarregada com as questões sobre seu novo relacionamento, Lily não consegue tirar Atlas Corrigan da cabeça — seu primeiro amor e a ligação com o passado que ela deixou para trás. Ele era seu protetor, alguém com quem tinha grande afinidade. Quando Atlas reaparece de repente, tudo que Lily construiu com Ryle fica em risco. Com um livro ousado e extremamente pessoal, Colleen Hoover conta uma história arrasadora, mas também inovadora, que não tem medo de discutir temas como abuso e violência doméstica. Uma narrativa inesquecível sobre um amor que custa caro demais.




Umdos livros mais comentados nos Estados Unidos, este é mais um sucesso arrebatador de ColleenHoover, autora das séries Slammed e Hopeless. Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex-melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento; tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava tinham um caso. Até que o soco foi merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge, um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.






Um romance sobre arriscar tudo pelo amor — e sobre encontrar seu coração entre a verdade e a mentira. DA autora das séries Slammed e Hopeless Auburn Reed perdeu tudo que era importante para ela. NA luta para reconstruir a vida destruída, ela se mantém focada em seus objetivos e não pode cometer nenhum erro. MAs ao entrar num estúdio de arte em Dallas à procura de emprego, Auburn não esperava encontrar o enigmático Owen Gentry, que lhe desperta uma intensa atração. PEla primeira vez, Auburn se vê correndo riscos e deixa o coração falar mais alto, até descobrir que Owen está encobrindo um enorme segredo. A Importância do passado do artista ameaça acabar com tudo que Auburn mais ama, e a única maneira de reconstituir sua vida é mantendo Owen afastado






Uma história de amor inesquecível entre um aspirante a escritor e sua musa improvável, da autora de Hopeless. Fallon conhece Ben, um aspirante a escritor, bem no dia da sua mudança de Los Angeles para Nova York. A química instantânea entre os dois faz com que passem o dia inteiro juntos – a vida atribulada de Fallon se torna uma grande inspiração para o romance que Ben pretende escrever. A mudança de Fallon é inevitável, mas eles prometem se encontrar todo ano, sempre no mesmo dia. Até que Fallon começa a suspeitar que o conto de fadas do qual faz parte pode ser uma fabricação de Ben em nome do enredo perfeito. Será que o relacionamento de Ben com Fallon, e o livro que nasce dele, pode ser considerado uma história de amor mesmo se terminar em corações partidos?







Para proteger o irmão, Sloan foi ao inferno e fez dele seu lar. Ela está presa em um relacionamento com Asa Jackson, um perigoso traficante, e quanto mais os dias passam, mais parece impossível enxergar uma saída. Imersa em uma casa incontrolável que mais parece um quartel general, rodeada por homens que ela teme e sem um minuto de silêncio, também parece impossível encontrar qualquer motivo para se sentir bem. Até Carter surgir em sua vida. Sloan é a melhor coisa que já aconteceu a Asa. E se você perguntasse ao rapaz, ele diria que também é a melhor coisa que já aconteceu a Sloan. Apesar de a garota não aprovar seu arriscado estilo de vida, Asa faz o que é preciso para permanecer sempre um passo a frente em seu negócio e proteger sua garota. Até Carter surgir em sua vida. A chegada de Carter pode afetar o frágil equilíbrio que Sloan lutou tanto para conquistar, mas também pode significar sua única saída de uma situação que está ficando insustentável. Colleen Hoover não tem medo de escrever sobre assuntos delicados e Tarde demais prova isso. Perpassando as formas mais cotidianas de machismo até as formas mais intensas e cruéis de abuso, a autora mergulha na espiral atordoante que é um relacionamento abusivo.




Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras... Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.





Com a ajuda Dean Holder, Sky descobriu segredos familiares chocantes e reviveu lembranças e sentimentos que tinham deixado profundas cicatrizes. Mas toda história tem dois lados. E agora chegou a hora de descobrirmos a verdade a respeito dele. Assombrado pela culpa e pelo remorso por não ter conseguido salvar Hope nem Less, Holder desenvolveu uma personalidade agressiva e desconta sua raiva em qualquer um que tente desafiá-lo. Ele nunca imaginou que voltaria a ver Hope algum dia, e não acredita na própria sorte ao se deparar com ela depois de tantos anos. No entanto, Holder não poderia supor que o sofrimento seria ainda maior após o reencontro. Em Sem esperança, o jovem revela como os acontecimentos da infância de Sky afetaram sua vida e sua família, fazendo-o buscar a própria redenção na possibilidade de salvá-la. Mas é apenas amando Sky que ele enfim será capaz de se reconciliar consigo mesmo.


O novo sucesso da autora de Hopeless Daniel está no breu do armário de vassouras da escola – o perfeito esconderijo para quem quer fugir do mundo real –, quando uma garota literalmente cai em cima dele. ÀS cegas, eles trocam juras de amor; amor esse que vem com certas condições: deverá durar apenas uma hora e não passará de um faz de conta. QUando o tempo acaba, e a garota misteriosa foge como Cinderela à meia-noite, Daniel tenta se convencer de que o que aconteceu entre eles só parecia perfeito porque era puro fingimento. UM ano depois, Daniel conhece Six, e logo percebe que é possível nutrir um amor de conto de fadas por alguém completamente real. ESpecialmente quando os dois únicos amores de sua vida se revelam a mesma pessoa. MAs infelizmente, para Daniel, encontrar sua Cinderela não significa ser feliz para sempre... NO mundo real, os problemas também são reais. E Somente juntos eles vão perceber que o amor verdadeiro é capaz de provar que um casal não precisa ser perfeito para ter seu final feliz.






Após a morte do pai, a ausência torna-se a maior companheira de Lake. A responsabilidade pela mãe e pelo irmão a congelam em um limbo de luto e dor. Por fora, ela parece corajosa e tenaz; por dentro, está perdendo as esperanças. E se mudar do único lar que conheceu não ajuda em nada. Agora em uma nova casa, em uma nova cidade, ela precisa achar seu caminho. E um rapaz apaixonado por poesia pode ser o guia perfeito. Quando conhece o novo vizinho, Layken imediatamente sente uma intensa conexão. Algo que finalmente parece desanuviar um pouco sua realidade. Mas o caminho da verdadeira felicidade não é feito de tijolos dourados, e logo uma revelação atordoante faz o novo relacionamento ser bruscamente interrompido. O dia a dia vai se tornando cada vez mais doloroso à medida que eles se esforçam para encontrar um equilíbrio entre os sentimentos que os aproximam e as forças que os separam.


Sequencia de Métrica, continua a história do jovem casal Will e Layken. DEpois de testado por tragédias, proibições e desencontros, o relacionamento dos dois enfrenta novos desafios. A Ex-namorada de Will retorna, arrependida de ter deixado o rapaz. E Está disposta a tudo para reconquistá-lo. INsegura, Layken começa a ler novas razões nos comportamentos do rapaz. E Na sua insistência para adiar a “primeira vez” de ambos. PResos em uma ironia cruel do destino, eles precisam descobrir se o que sentem é verdadeiro ou se fruto da extraordinária situação que os uniu.






O desfecho da história de paixão, amor e mágoa que conquistou a todos O amor de Will e Layken enfrentou — e venceu — proibições, impedimentos, ciúme, tragédia. MAs, agora casados, os dois se sentem seguros do sentimento que os une. LAke e Will estão em plena lua de mel, encantados com o futuro que têm pela frente. LAke quer saber tudo que há para saber sobre o marido — mesmo quando este se torna reticente quanto a despertar memórias dolorosas. POuco a pouco, Lake convence Will a desembaraçar os nós da própria história e, pela primeira vez, seus mais íntimos sentimentos e pensamentos ganham voz. SOb a ótica de Will, revisitamos os bons e maus momentos. E Conhecemos alguns fatos chocantes. O Futuro de Will e Lake agora depende de como os dois lidarão com essas revelações.







Charlize Wynwood e Silas Nash são melhores amigos desde a infância. Mas, agora, são completos estranhos. O primeiro beijo, a primeira briga, o momento em que se apaixonaram... Todas as recordações desapareceram. E nenhum dos dois tem ideia do que aconteceu e em quem podem confiar.










Um garoto abre os olhos e sequer se lembra que seu nome é Silas. Um telefone toca lhe fazendo perguntas que ele não sabe responder. "Quem sou eu eu?", ele se pergunta. Charlie se vê presa em um lugar parecido com um quarto de hospital (ou de um manicômio). Também não se lembra de nada, nem do próprio rosto. O tempo passa e ninguém vem salvá-la. Ela precisa escapar por conta própria. Aos poucos, os dois descobrem que vêm perdendo a memória em períodos cíclicos. E também que se amam imensamente. Em uma corrida para descobrir a razão dos apagões em suas memórias, Silas e Charlie acabam descobrindo muito mais sobre si e sobre os mistérios que envolvem suas famílias. Mas muito em breve vão esquecer tudo de novo. E precisam estar juntos para evitar o pior.






SOBRE A AUTORA:

Colleen Hoover é uma autora norte-americana que já atingiu o 1.º lugar no top de vendas do New York Times e comoveu muitos leitores com os seus livros publicados, incluindo Um Caso Perdido (Hopeless).
Colleen cresceu numa quinta, no Texas, casou-se aos 20 anos e tirou uma licenciatura em Serviço Social. Trabalhou nos Serviços de Proteção a Crianças, antes de voltar aos estudos para concluir a sua formação em Educação Especial e Nutrição Infantil. 
Vive com o marido e os três filhos à beira de um lago no Texas.
fonte: wook








A Central de Atendimento à Mulher (Ligue 180)
Policia (Ligue 190)
Comentários
14 Comentários

14 comentários :

  1. Esse post é tão necessário. Vi ele no facebook de forma despretensiosa e depois que libertou me sentindo capaz de dizer a Deus a alguém que me faz sofrer. Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fico feliz em saber disso. de verdade!
      Se quiser conversar pode me enviar um email: anamariasaraivaf@gmail.com
      bjs

      Excluir
  2. Eu tenho vários livros da autora mas ainda não li nenhum, falha minha eu sei, espero que ano que vem eu apre disso e dê uma chance de vez para ela e me encante como tantos que eu vejo se encantam. Muito lindo o seu post, parabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada flor, os livros da Colleen são maravilhosos, se puder dê uma chance <3

      Excluir
  3. Olá!
    Sempre ouço uma amiga minha falando sobre os livros dessa autora. Imagino que sejam mensagens fortes, mas necessárias. Gostei muito do seu post, sobre as coisas que podemos encontrar de positivas, de ensinamento na história. Espero conseguir ler a autora em breve.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. aaaaah, que bom que gostou. Espero que você possa ler também <3

      Excluir
  4. Que demais! Eu nunca li nada dela, e não sabia que por trás de suas historias tinha um tema tão importante e que ela o trata de uma forma tão responsável! Realmente preciso conhecer a escrita da autora. Amei o post ♥️

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Menina, eu tenho quase todos os livros da Colleen Hoover, mas ainda não li nenhum, acredita? Quero ler os livros dela principalmente por causa dessa abordagem de temas importantes. Adorei tua postagem! <3

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  6. Que post mais necessário! Parabéns por isso, de verdade, a maneira que você usou os livros para falar de um tema tão sério, é muito sensivel. CoHo realmente passa uma mensagem importante sobre esse tipo de relacionamento e como devemos nos proteger.

    ResponderExcluir
  7. Olá, que maravilhoso o seu post. Ainda não li nada da autora, mas quero ler, e achei muito bacana os ensinamentos que você listou sobre relacionamentos abusivos, entender melhor o assunto é uma forma de ajudar pessoas passando por essa situação e até ajudarmos nós mesmas.

    ResponderExcluir
  8. Eu li os dois primeiros livros de Nunca Jamais e adorei!
    Bom, não li outros livros da autora, mas sempre vejo elogios para as obras dela, achei bem interessante o seu post e além de apresentar os livros da autora a quem ainda não conhece você pontuou muito bem as importantes mensagens que os livros dela transmitem ao leitor.

    ResponderExcluir
  9. Que bom que gosta tanto da autora. Eu já li alguns livros e acho bom para entretenimento e público adolescente, entretanto, não é meu perfil, por exemplo, você discorre sobre crescimento emocional, os livros dela não têm a força, por exemplo, de Vermelho amargo e tantos outros livros, mas isso não torna os livros ruins, são superficiais, legais de ler, a escrita dela é fluida, enfim, eu recomendo. sobre esta questão "Mas existe ajuda, existem amigos, família, órgãos de proteção que podem garantir a segurança e principalmente a liberdade de alguém que esta aprisionado a um relacionamento tóxico. Sempre existe uma saída." seria muito bom se a realidade fosse assim, mas é bem mais complexa e difícil do que se pode imaginar, principalmente num pais de alienados e de cultura do machismo como o Brasil em que as pessoas não têm a mínima noção do que seja violência. Em muitos casos a mulher tem filhos, não tem o apoio da família e a justiça não é justa.

    ResponderExcluir